O ABRAÇO DE RUI E NETO: assista

Sob as bênçãos de Nosso Senhor do Bonfim, o governador Rui Costa (PT) e o prefeito de Salvador ACM Neto (DEM) deram um abraço no momento de maior expectativa da Lavagem do Bonfim de 2019. No adro da igreja, os políticos protagonizaram o gesto de civilidade que não durou mais do que três segundos. Os chefes executivos estavam acompanhados do vice-governador, João Leão, e do vice-prefeito, Bruno Reis.

Apesar de curto, o ato é carregado de muito simbolismo, principalmente num momento em que política e mundo se vêem carregados de muita intolerância e polarizações. Tradicionalmente, além de manifestação de sagrado e profano, a peregrinação de fé e devoção de mais de sete quilômetros também é considerada um ato político. Desta vez, mais do que trégua temporária a atitude ficou marcada como exemplar.

ASSISTA:

Siga-nos no twitter: @linhadefrenteba

CASTELO, RUI, TIBUM!

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), tem seus momentos. Apesar da “correria” no trabalho, sempre mostra sua intimidade com a família, em suas redes sociais. Neste domingo (13/1), compartilhou em sua conta oficial no Instagram, a brincadeira com as filhas Marina e Malu: os três pulavam de um castelinho para a piscina. Quem filmou tudo foi a primeira-dama, Aline Peixoto.

Na legenda, escreveu: “Domingo é bacana. Domingo em família é bom demais. Segunda a sábado é do trabalho. Hoje é delas!”.

Veja: 

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Domingo é bacana. Domingo em família é bom demais. Segunda a sábado é do trabalho. Hoje é delas!

Uma publicação compartilhada por Rui Costa (@ruicostaoficial) em

Siga-nos no Twitter: @linhadefrenteba

A “BRASÍLIA” DE JOÃO LEÃO

O vice-governador da Bahia, João Leão (PP), não esconde dos mais próximos a obsessão de segundo mandato (juntamente com a ponte Salvador-Itaparica). Ele quer ser o responsável por conceber e executar a primeira cidade planejada inteiramente do zero no estado.

O “bonitão” já tem até o local definido: a Ponta dos Garcez, próxima a Jaguaripe, um paraíso ecológico e turístico, do outro lado da Ilha de Itaparica.

Ponta dos Garcez: um dos locais sugeridos por Leão para a cidade Zero KM

Leão avisa que a inspiração veio a partir das viagens recentes que fez para a China, onde regiões desabitadas terminam virando pólos de algum segmento a partir da intervenção do estado para criar uma comunidade.

O vice-governador não chegou a mencionar se tem preferência por algum nome de batismo para sua própria Brasília.

Siga-nos no Twitter: @linhadefrenteba

OS VIEIRA LIMA NA MIRA DA PGR E NAS MÃOS DA SUPREMA CORTE

Se depender da procuradora-geral da República, Raquel Dodge, os irmãos Geddel e Lúcio Vieira Lima serão condenados a 80 e 48 anos de prisão, respectivamente. A decisão, porém, não cabe somente à Procuradoria-Geral da República (PGR). Agora é o Supremo Tribunal Federal (STF) quem decide se acata ou não o pedido de Dodge, que ainda solicitou pagamento de multa contra os Vieira Lima.

Os dois são alvos de uma ação penal que tramita no STF sob relatoria do ministro Edson Fachin. Geddel segue preso de forma preventiva, desde setembro de 2017. Lúcio, por sua vez, está livre, mas não conseguiu se reeleger na última eleição. Na denúncia destacasse a possível união dos irmãos para cometer crimes de “ocultação da origem, localização, disposição, movimentação e a propriedade de cifras milionárias de dinheiro vivo” e estariam ligados aos R$ 51 milhões encontrados pela Polícia Federal, em um apartamento de Salvador na mesma época da prisão do ex-ministro. O imóvel é ligado à família Vieira Lima.

Siga-nos no Twitter: @linhadefrenteba

SÉRGIO MORO: O #FAMOSINHO DO MINISTÉRIO

O ministro da Justiça, Sérgio Moro, é o braço direito do presidente Jair Bolsonaro (PSL) mais famosinho entre os brasileiros. É o que apurou a pesquisa Veja, junto com o Instituto Ideia Big Data. De acordo com o levantamento, o ministro é conhecido por 97% da população brasileira. Desse número, 76% aprovam o nome de Moro a frente do Ministério da Justiça.

Em segundo lugar está Paulo Guedes, lembrado por 5% dos brasileiros. Os números indicam um caminho possível para o ex-juiz: apesar de dizer que não é político, o ex-juiz já pode pensar em ser candidato a presidente em 2022.

Siga-nos no Twitter: @linhadefrenteba

COMO SERÁ A POSSE DE JAIR BOLSONARO?

O primeiro dia do ano, pós ano eleitoral, é marcado pelas cerimônias de posse em todo o país: governadores e presidente eleitos discursam em seus respectivos estados e, no caso de Jair Bolsonaro (PSL), eleito para o próximo quadriênio, em Brasília.

Prometendo um sistema de segurança reforçado, o chefe do Executivo Federal tomará posse da sua gestão às 14h, horário de Brasília. Confira como será a cerimônia de posse desde a chegada do ex-deputado:

Siga-nos no Twitter: @linhadefrenteba

ISIDÓRIO E JOSÉ AUGUSTO: UMA MÚSICA EM COMUM

O deputado federal bem mais votado da Bahia tem um ponto, ou pelo menos uma música, em comum com o cantor romântico José Augusto.

“Isso é uma outra etapa. O patrão abaixo de Deus é o povo […] Quem quer ser prefeito não pode querer maquiar os locais mais nobres. Se o próximo prefeito for aquele que vai olhar para quem passou muito tempo esquecido vai conseguir o cargo. Não vou dizer que não, se o povo chamar eu vou”, disse o evangélico ao ser questionado se quer ser candidato a prefeito de Salvador.

A frase destacada é parecida com a do cantor romântico, na música “Sonho Por Sonho”. “Eu não tenho tempo a perder com a solidão, na hora em que você me quiser, eu vou […]”.

OPOSIÇÃO SEM HORA PARA ACABAR

Alegando falta de tempo para discutir a proposta que prevê a redução das gratificações dos professores da rede estadual, a bancada da oposição na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) decidiu fazer a discussão do projeto na sessão destinada à votação.

Enviado pelo Executivo em caráter de urgência, a matéria é polêmica dentro da Casa legislativa e faz parte de uma serie de medidas propostas pelo governador Rui Costa para conter o rombo nas contas do Estado. Durante o encontro, a oposição acusou Rui Costa de “tratorar” a votação e ver a Alba como uma extensão do seu governo.

A sessão, marcada para iniciar as 10h, não havia recebido um voto sequer as 13h, quando a oposição decidiu se reunir para acordar o encaminhamento do voto contrario de todos os deputados da oposição. Por causa da diplomação dos candidatos eleitos, a sessão foi declarada suspensa e voltara a discutir os projetos do Executivo na próxima terça-feira (17/12).

O único projeto aprovado, das três matérias de urgência, foi a que prevê a redução das gratificações. Os professores fazem, a tarde, uma manifestação contra o governador, em frente ao Teatro Castro Alves.

ANGELO CORONEL, PRESIDENTE DAS MULTIDÕES?

O expediente na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) ainda nem acabou e o atual presidente, deputado Angelo Coronel (PSD), já esta com vistas para o maior cargo do Senado, Casa que vai integrar no próximo ano como um dos senadores eleito pela Bahia.

Pré candidato à Presidência do Senado, Coronel garantiu que não há articulação conjunta com o também eleito, Jaques Wagner (PT). “Só conversei com ele para pedir voto, assim como com Otto Alencar, ambos se comprometeram a votar comigo. Vou ter uma reunião com a bancada do meu partido na próxima quarta feita, lá eu converso com 10 senadores para oficializar e estou viajando e conversando com colegas de outros estados do Brasil para que eu posso viabilizar meu nome”, contou ao Linha de Frente, nesta segunda feira (17/12).

Coronel pretende fazer mudanças no Senado, “principalmente no que diz respeito a condução da Casa”. “Pretendo implantar os ministérios paralelos, que servirão de contra ponto aos ministérios oficiais”.

O deputado, porém, garante que a criação dos “mini-ministérios” não é para fazer oposição ao presidente da República, mas para apontar criticas construtivas e opinar sobre as acoes dos ministros oficiais do governo.

O PROFESSOR ESTÁ FALANDO…ERRADO

Fernando Henrique Cardoso (FHC), que criou sua conta no Twitter durante as eleições, continua ativo na rede, opinando sobre os desdobramentos da política nacional. Dessa vez, o professor universitário usou o canal para defender o presidente eleito, Jair Messias Bolsonaro (PSL). O deputado tem sido acusado, nas últimas semanas, de locar funcionários fantasmas em seu gabinete, assim como seu filho, Flávio Bolsonaro. As investigações ainda estão em andamento.

E, novamente, o ex-presidente cometeu um erro de português imperdoável para os internautas.

Siga-nos no Twitter: @linhadefrenteba

1 2 22
© 2019 - TV Aratu - Todos Direitos Reservados
Rua Pedro Gama, 31, Federação. Tel: 71 3339-8088 - Salvador - BA