ANGELO CORONEL, PRESIDENTE DAS MULTIDÕES?

O expediente na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) ainda nem acabou e o atual presidente, deputado Angelo Coronel (PSD), já esta com vistas para o maior cargo do Senado, Casa que vai integrar no próximo ano como um dos senadores eleito pela Bahia.

Pré candidato à Presidência do Senado, Coronel garantiu que não há articulação conjunta com o também eleito, Jaques Wagner (PT). “Só conversei com ele para pedir voto, assim como com Otto Alencar, ambos se comprometeram a votar comigo. Vou ter uma reunião com a bancada do meu partido na próxima quarta feita, lá eu converso com 10 senadores para oficializar e estou viajando e conversando com colegas de outros estados do Brasil para que eu posso viabilizar meu nome”, contou ao Linha de Frente, nesta segunda feira (17/12).

Coronel pretende fazer mudanças no Senado, “principalmente no que diz respeito a condução da Casa”. “Pretendo implantar os ministérios paralelos, que servirão de contra ponto aos ministérios oficiais”.

O deputado, porém, garante que a criação dos “mini-ministérios” não é para fazer oposição ao presidente da República, mas para apontar criticas construtivas e opinar sobre as acoes dos ministros oficiais do governo.

Nenhum Comentário

Os comentários estão desativados.