Categoria: Bahia

GUALBERTO JOGA IMBASSAHY AOS LEÕES DAS URNAS

Um dia após anunciar a desistência da candidatura à reeleição como deputado federal, João Gualberto (PSDB) mostrou no Linha de Frente a decepção com o Congresso Nacional. Afirmou que “no máximo 110 deputados”, entre os 513, têm realmente compromisso com o país e não com as próprias eleições.

E foi além: apostou que a próxima legislatura será ainda pior do que a atual, em termos de comprometimento dos parlamentares. O presidente estadual do partido disse que se fosse Fernando Henrique Cardoso não apareceria no horário eleitoral pedindo voto para Geraldo Alckmin.

Um dos recados mais duros de Gualberto, que votou pelo impeachment de Michel Temer, foi para os tucanos que apoiaram o presidente. “Eles não podem negar que estiveram com Temer o tempo todo, senão fica feio para eles. Quem foi de Temer que assuma que esteve com ele e o que fez com ele”.

O baiano Antonio Imbassahy, também do PSDB, candidato à reeleição, foi ministro da Secretaria de Governo durante 11 meses.

Assista a entrevista completa de João Gualberto:

Linha de Frente Eleições 2018 – João Gualberto, Dep Federal PSDB

Linha de Frente Eleições 2018 – João Gualberto, Dep Federal PSDB

Gepostet von Aratu Online am Mittwoch, 15. August 2018

Acompanhe o Linha de Frente também pelo www.twitter.com/linhadefrenteba

LULA LIDERA

A pesquisa também apresentou um cenário com Lula na lista de candidatos. O ex-presidente tem 31% das intenções de voto, o maior número desde o primeiro levantamento XP/Ipespe realizado em 15 de maio. Jair Bolsonaro aparece 12 pontos abaixo, com 19%, seguido de um empate técnico quádruplo entre Geraldo Alckmin (9%), Marina Silva (8%), Ciro Gomes (6%) e Álvaro Dias (5%).

BOLSONARO LIDERA

A XP investimentos divulgou esta manhã o resultado da primeira pesquisa para a Presidência da República realizada após o fim das convenções dos partidos, ou seja, com todos os candidatos já conhecidos e oficializados. O levantamento foi feito pelo Ipespe e no cenário que não inclui o ex-presidente Lula – inelegível de acordo com a Lei da Ficha Limpa – Bolsonaro lidera com mais que a soma do segundo e terceiro colocados. Importante destacar que a pesquisa também não inclui o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, o candidato a vice escolhido por Lula e que, provavelmente, será o candidato do PT à presidência.

Confira o resultado da pesquisa feita entre os dias 6 e 8 de agosto:

Jair Bolsonaro – 23%
Marina Silva – 12%
Geraldo Alckmin – 10%
Ciro Gomes – 9%
Alvaro Dias – 5%
Manuela D’Ávila – 3%
Henrique Meirelles – 3%
Guilherme Boulos – 1%

A pesquisa está registrada no TSE com o código BR-08988/2018

ENQUANTO ISSO… NA INTERNET

Na Band, candidatos em liberdade e autorizados pela Justiça debatem. Enquanto isso, o PT realiza um “debate” paralelo ao vivo pelo YouTube. Gleisi Hoffman, Fernando Haddad, Manuela D’Ávila e José Sérgio Gabrielli conversam em um cenário que tem o nome de Lula ao fundo. O ex-presidente aparece em vídeos de depoimentos antigos. Internautas participam ativamente (e agressivamente) no espaço reservado aos comentários em tempo real.

RESUMO DO PRIMEIRO BLOCO

Primeiro bloco do debate da Band dá pistas sobre como será esse começo de campanha.

– Álvaro Dias lento e sem contundência.

– Geraldo Alckmin no piloto automático.

– Ciro Gomes isolado pelos concorrentes.

– Cabo Daciolo agressivo e incompreensível em alguns momentos.

– Henrique Meireles técnico e sem carisma.

– Marina Silva muito tensa e insegura.

– Guilherme Boulos partindo pra o ataque e “cuspindo pra cima”.

– Bolsonaro evitando confrontos.

 

DOMINGO NO PLANALTO

O baiano Gilberto Gil abre uma das mais geniais composições da música brasileira, Domingo no Parque,  com os versos “O rei da brincadeira. Ê, José! O rei da confusão. Ê, João!”. A canção é de 1967 e trata de um crime sangrento. Cinquenta e um anos depois, o mesmo Gilberto Gil voltou a falar sobre crimes envolvendo um outro João e um outro José.

Interrogado hoje pelo juiz Sérgio Moro, o músico, que foi Ministro da Cultura de 2002 a 2008, é uma das testemunhas de defesa do ex-presidente Lula na ação penal que trata do sítio de Atibaia. Moro fez poucas perguntas e as respostas de Gil foram lacônicas.

Moro – O senhor conheceu o ex-ministro José Dirceu?

Gilberto Gil – Sim. Claro.

Moro – Teve conhecimento do envolvimento do senhor José Dirceu em algum esquema de corrupção?

Gilberto Gil – Não.

Moro – O senhor conheceu o senhor João Santana?

Gilberto Gil – Sim

Teve conhecimento do envolvimento do senhor João Santana em alguma esquema de corrupção?

Gilberto Gil – Não

As mesmas perguntas foram feitas sobre a relação com Antônio Palocci e Gilberto Gil deu as mesmas respostas.

O interrogatório foi por videoconferência e, antes, o artista e ex-ministro respondeu às perguntas formuladas pelo advogado de Lula, Cristiano Zanin.

Confira o vídeo:

 

QUEM DIRIA…

Na conta de twitter do ex-presidente Lula (@LulaOficial), chama atenção uma postagem com a foto de um senhor branco, calvo, de óculos com armação vermelha e a afirmação, em legenda, de que “Lula foi condenado sem provas”.

O sujeito da imagem é o colunista de política da Folha de São Paulo, Band News e Rede TV, Reinaldo Azevedo, que é autor dos livros O País dos Petralhas e O País dos Petralhas 2. Além de ter sido o criador do termo petralha, o jornalista já foi incluído, em 2014, numa lista negra de profissionais da imprensa que seriam os “pitbulls da grande mídia” e os maiores inimigos do Partido dos Trabalhadores. A lista criada pelo então vice-presidente do PT, Alberto Cantalice, citava também Arnaldo Jabor, Demétrio Magnoli, Guilherme Fiúza, Augusto Nunes Diogo Mainardi, Lobão, além dos humoristas Danilo Gentili e Marcelo Madureira.

Em seu blog, Reinaldo Azevedo também já disse que “o povo é laranja do PT. Quanto mais pobre, mais suco rende” e que “o petismo é como contaminação radioativa. Deixa um resíduo tóxico de longuíssima duração e cria deformidades. Sobretudo morais e intelectuais” e ainda que “para um petista legítimo, a coerência é uma cruz que só os adversários devem carregar”, mas essas frases não foram publicadas no twitter do chefão petista.

NOVO E APRESSADO

A seis dias do fim do prazo, apenas oito pessoas na Bahia se registraram no TSE para concorrer a uma vaga no Congresso Nacional e todas são do partido NOVO, agremiação oficializada como partido político há menos de três anos. A turma defende o liberalismo econômico, o empreendedorismo e forte participação do cidadão na política. O NOVO tem um candidato à Presidência da República: o ex-banqueiro e administrador de empresas, João Amoêdo. Ao contrário dos correligionários baianos, ele ainda não registrou a candidatura, mas é nome certo na disputa. Amoedo luta para ser convidado a participar dos debates, já que, pela legislação eleitoral, somente partidos com, ao menos, cinco congressistas têm esse direito garantido (o NOVO não tem nenhum). O candidato vai ter somente 5 segundos de tempo de propaganda em TV e rádio. Vai precisar ser tão apressado na mensagem quanto os companheiros de partido aqui da Bahia foram no registro da candidatura.

PUXANDO A FILA

Até as 11 horas de hoje (09/08), apenas quatro dos 13 postulantes à Presidência da República pediram registro de suas candidaturas à Justiça Eleitoral. Os nomes Cabo Daciolo (Patriota), Geraldo Alckmin (PSDB), Guilherme Boulos (PSOL) e Vera (PSTU) – é assim que aparecerão na urna eletrônica – já constam no sistema do TSE. Na Bahia, nenhum candidato ao Governo do Estado se registrou, sendo que, no país, catorze já se anteciparam. O prazo é até o dia 15 de agosto.

VACAS MAGRAS PARA INSTITUTOS DE PESQUISA NA BAHIA

Não se sabe se é a crise econômica, o tempo que falta para a votação ou simplesmente o pouco acirramento na disputa para o Palácio de Ondina, mas a situação é crítica para os institutos de pesquisa que apostarem em ganhar dinheiro com a eleição na Bahia.

Até esta quarta (8/08), só três pesquisas eleitorais no estado tinham sido registradas no site do Tribunal Superior Eleitoral para 2018: todas elas já foram realizadas, nos meses de maio e fevereiro. Ou seja, até o momento, ninguém encomendou pesquisas homologadas pelo TSE para esta disputa. Será pouco interesse ou pouca grana?

reprodução/ internet 

Siga o Linha de Frente no twitter: www.twitter.com/linhadefrenteba

© 2018 - TV Aratu - Todos Direitos Reservados
Rua Pedro Gama, 31, Federação. Tel: 71 3339-8088 - Salvador - BA