ACM NETO EXPULSA POLICIAL MILITAR ACUSADO DE PARTICIPAR DA MORTE DE MARIELLE

Élcio Vieira de Queiroz, ex-policial militar acusado de ter participado da morte da ex-vereadora Marielle Franco (PSOL) e filiado ao Democratas, vai ser expulso da sigla. A informação foi confirmada pelo prefeito de Salvador e presidente nacional do DEM, ACM Neto.

“Não aceitaremos nenhum quadro desse tipo no partido. Não há outro caminho a não ser expulsão imediata”, garantiu Neto a VEJA.

Siga-nos no Twitter: @linhadefrenteba

KANNARIO DEIXA PHS E INTEGRA DEMOCRATAS

O deputado federal Igor Kannário confirmou que está de malas prontas para se filiar ao Democratas, partido presidido nacionalmente pelo prefeito de Salvador, ACM Neto. Com isso, o cantor e ex-vereador da capital baiana deixa o PHS.

“Iniciaremos essa nova trajetória no Democratas e seguiremos apresentando projetos de interesse da maioria da população. Continuaremos seguindo o exemplo da gestão da Prefeitura de Salvador, onde mais de 70% dos investimentos realizados são voltados para as áreas periféricas”, garantiu o parlamentar que se elegeu para a 18a Legislatura da CMS com a ajuda do prefeito.

Com o ingresso do novo democrata ao partido, o DEM (e Neto) podem afirmar que vivem um bom momento: a legenda emplacou 28 deputados federais na Câmara Federal, o presidente do Congresso Nacional e da Câmara dos Deputados.

Siga-nos no Twitter: @linhadefrenteba

“NÃO É UMA VITÓRIA PESSOAL, É PARTIDÁRIA”, DIZ ACM NETO SOBRE DEM NA CÂMARA E SENADO

O prefeito ACM Neto (DEM) negou que a vitória de Rodrigo Maia na presidência da Câmara e Davi Alcolumbre na presidência do Senado é uma vitória pessoal. Ambos são Democratas.

“É o melhor momento da história do partido, nós, no ano passado iniciamos um trabalho de refundação, quando eu assumi a presidência exatamente com foco em crescer. É claro que não imaginávamos conseguir atingir a presidência das duas casas da forma que chegamos, com dois quadros que são partidários, pessoas amigas nossas e, acima de tudo, homens públicos de bem que vão fazer um grande trabalho. Me ajuda muito o fato de ambos serem do Democratas e serem amigos pessoais e eu procurarei utilizar a relação que tenho com os dois em benefício da nossa cidade. Eu não tenho essa vaidade pra dizer que é uma vitória pessoal, é uma vitória partidária do Democratas. É óbvio que eu participei, desde novembro, intensamente das articulações, com cuidado nos bastidores, sem tirar vantagem do que quer que seja”, disse o prefeito de Salvador durante a abertura dos trabalhos na Câmara Municipal de Salvador (CMS), nesta segunda-feira (4/2).

Siga-nos no Twitter: @linhadefrenteba

NETO MONTA FUTURO DE SUA “TRINCA POLÍTICA”

Com uma canetada, o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), vai mexer nas próximas horas com o futuro político de dois dos seus principais “menudos” (como são chamados os aliados mais jovens, em idade, e mais fiéis, em termos de dedicação ao projeto de governo).

Ao nomear o deputado estadual recém-eleito Léo Prates como Secretário de Promoção Social (SEMPS), ele abre a vaga para o vereador Tiago Correia (PSDB) assumir uma cadeira na Assembleia Legislativa. Com isso, Neto reforça a oposição no parlamento estadual e começa a cacifar Prates para futuros planos executivos.

Não é demais lembrar que o preferido de Neto para sucedê-lo no Palácio Thomé de Souza, o vice-prefeito Bruno Reis, também foi gestor da SEMPS, antes de ter vaga na chapa majoritária. Enquanto isso, Reis continua empenhado, sobretudo nas redes sociais, em mostrar ser o nome mais viável da situação para enfrentar o candidato aliado ao governador Rui Costa (PT) em 2020.

Siga-nos no twitter: @linhadefrenteba

O ABRAÇO DE RUI E NETO: assista

Sob as bênçãos de Nosso Senhor do Bonfim, o governador Rui Costa (PT) e o prefeito de Salvador ACM Neto (DEM) deram um abraço no momento de maior expectativa da Lavagem do Bonfim de 2019. No adro da igreja, os políticos protagonizaram o gesto de civilidade que não durou mais do que três segundos. Os chefes executivos estavam acompanhados do vice-governador, João Leão, e do vice-prefeito, Bruno Reis.

Apesar de curto, o ato é carregado de muito simbolismo, principalmente num momento em que política e mundo se vêem carregados de muita intolerância e polarizações. Tradicionalmente, além de manifestação de sagrado e profano, a peregrinação de fé e devoção de mais de sete quilômetros também é considerada um ato político. Desta vez, mais do que trégua temporária a atitude ficou marcada como exemplar.

ASSISTA:

Siga-nos no twitter: @linhadefrenteba

TWITTER E SUA FUNÇÃO DE MEDIAR O IRREMEDIÁVEL

O prefeito ACM Neto (DEM) usou as redes sociais para dar uma “alfinetada” no governador da Bahia, Rui Costa (PT), nesta quarta-feira (12/12). Em seu perfil oficial no Twitter, o cacique do Democratas escreveu: “Estão lembrados? Pois bem! Esse “bilete”, literalmente, era verdade. Rs. Nessa sexta os servidores municipais vão receber, antecipadamente, o 13º. Tudo isso é graças ao esforço que a gente faz para manter as contas da Prefeitura equilibradas e uma gestão eficiente”.

Assista ao vídeo:

Na última semana, o chefe do Executivo estadual anunciou a reforma administrativa que inclui o aumento da alíquota dos servidores de 12% para 14%, alegando que “faz parte de uma série de medidas que vai ajudar a previdência, garantindo o pagamento dos aposentados”.

Em resposta, ACM Neto deu uma declaração afirmando que o petista estaria praticando “estelionato eleitoral”. “Eu honestamente sinto Rui Costa de 2018 como Dilma de 2014. Dilma para se eleger adotou um discurso e depois teve que adotar uma prática completamente diferente”.

Siga-nos no twitter: @linhadefrenteba

HASHTAG CHATEADO

A inauguração do Hotel Fasano, localizado no Centro Histórico de Salvador, na última quinta-feira (6/12), reuniu dois lados opostos da política baiana: o prefeito ACM Neto (DEM) e o governador Rui Costa (PT). Apesar da tradicional troca de farpas e das últimas semanas terem sido marcadas por acusações, o clima da inauguração não foi afetado.

Nas redes sociais, no entanto, o governador publicou fotos ao lado do prefeito demonstrando o clima de descontração na ocasião. Neto, porém, não deu qualquer pista da presença do petista no evento.

 

Na última semana, o cacique do Democratas afirmou que Rui praticou “estelionato eleitoral” e que “o tempo vai mostrar isso”. Rui Costa, no entanto, foi sucinto na resposta: “me deixe trabalhar”.

Siga-nos no twitter: @linhadefrenteba

“FALA PARA O PREFEITO ME LIGAR”

Gilberto Júnior

O futuro presidente da Câmara de Vereadores de Salvador ainda não tomou posse, mas já demonstra disposição de destacar a independência entre poderes legislativo e executivo municipais.

Contam que Geraldo Júnior (SD) foi avisado de um pedido do prefeito ACM Neto (DEM) pelo chefe de gabinete, Kaio Moraes, e soltou uma resposta sucinta, em tom educado:

– “Kaião, fala para o prefeito me ligar…”

Para o “líder” Geraldinho, cacique conversa com cacique e assessor conversa com assessor.

Siga-nos no twitter: @linhadefrenteba

“NÃO CONCORDO, MAS APOIO”, DIZ ACM NETO SOBRE BOLSONARO NO SEGUNDO TURNO

O prefeito ACM Neto (DEM) anunciou seu apoio ao presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) no segundo turno das eleições 2018, que acontecerá no próximo dia 28. O Democratas, no entanto, preferiu não manifestar apoio a nenhum dos dois postulantes.

Durante coletiva de imprensa realizada em um hotel de Salvador, o presidente da sigla disse que “está dando um voto de confiança à candidatura de Jair Bolsonaro, mesmo não concordando com tudo que, do ponto de vista ideológico e programático defende ele, na minha opinião existe uma coisa que nos une e que é mais forte: que é exatamente não deixar um governo tomado pelo PT”.

Siga o Linha de Frente no Twitter: @linhadefrenteba

Neto diz que “ainda dá tempo para mudar” mas não cita Alckmin; veja vídeo

Um dos coordenadores nacionais da campanha de Geraldo Alckmin, o prefeito de Salvador, ACM Neto, condenou os radicalismos na disputa eleitoral e disse que “nós precisamos de um país unido, em que as pessoas deem as mãos, para que possamos superar a mais grave crise econômica, social e política da nossa história”.

O vídeo, publicado na noite deste sábado (29), foi motivado pela grande adesão às manifestações pró e contra Jair Bolsonaro em mais de 50 cidades do país. Em nenhum momento, Neto propõe o nome do tucano Geraldo Alckmin para a polarização que ele mesmo identificou.

“De um lado, as pessoas vão para a rua gritar “Ele Não”, são aqueles que são contra Bolsonaro. De outro lado, as pessoas vão para a rua gritar “Eles também não”, são aquelas pessoas que não querem o PT de volta”. Ele disse que a ninguém interessa o radicalismos e “ainda dá tempo para mudar”, mas não sugere qual seria o mais indicado candidato para a mudança.

Siga-nos no twitter (@linhadefrenteba) e acompanhe as entrevistas pelo aratuonline.com.br/lives

© 2019 - TV Aratu - Todos Direitos Reservados
Rua Pedro Gama, 31, Federação. Tel: 71 3339-8088 - Salvador - BA