VEREADOR XINGA OPOSIÇÃO EM PLENÁRIO DURANTE SESSÃO NA CÂMARA DE PORTO SEGURO

O vereador de Porto Seguro, Dilmo Santiago (Pros), não poupou adjetivos contra os opositores da prefeita Cláudia Oliveira (PSD), durante sessão na Câmara de Vereadores, na última quinta-feira (18/10).

Ao falar sobre a taxa cobrada pela Prefeitura para turistas que visitam o município e mencionar o boato ventilado de que o recurso arrecadado está indo para a chefe do executivo, não para o Conselho Municipal de Turismo, Dilmo se exaltou e chamou a oposição de “filhos da p…”.

“Parem de ser filhos da p…, só falam mentiras. Ninguém aguenta mais esses palhaços, e não vamos aceitar mais esse tipo de coisa”, disse o vereador em tom de revolta.

Assista:

Siga-nos no Twitter: @linhadefrenteba

IRMÃO LÁZARO CONTRA “EXALTAR MINORIAS”; veja vídeo

Candidato que ficou na terceira colocação para duas vagas ao senado na Bahia, Irmão Lázaro (PSC) fez declaração polêmica no ato pró-Bolsonaro neste domingo (21), no Farol da Barra, em Salvador. “Os homossexuais, com certeza, serão olhados como gente. O que a gente não pode é exaltar as minorias”.

Em cima de um trio elétrico, o pastor e ex-cantor do Olodum, continuou o discurso pregando união do país. “Nós vamos melhorar a votação de Bolsonaro aqui na Bahia. Uma coisa é certa: ele já sabe que nós existimos. Jair Bolsonaro sabe que a campanha que nós fazemos por ele aqui na Bahia não é com interesse político”, declarou ele, após afirmar que “tomou um café” com Bolsonaro, três dias antes.

Atualmente deputado federal, Lázaro teve mais de 1.830.000 votos para senador, totalizando 15,37% dos votos válidos.

Veja o vídeo:

Siga-nos no twitter: @linhadefrenteba

BRUNO REIS “SEGUINDO O PAÇO” MUNICIPAL DE ACM NETO

O vice-prefeito de Salvador, Bruno Reis (DEM), foi o responsável por assinar ordens de serviços em Salvador durante esta semana. Isto porque o chefe do executivo municipal estava cuidando da divulgação do Festival da Virada 2019, que aconteceu em São Paulo na última quarta-feira (17/10).

Em uma semana, Bruno entrou no Paço Municipal com tudo e visitou várias obras em andamento na capital baiana. Na terça-feira (16/10), o vice de Neto autorizou obras de contenção de encostas nos bairros do Pau Miúdo e Marechal Rondon. Na oportunidade, Bruno liberou  o início da aplicação de geomantas nas contenções de encostas.

No dia seguinte, o vice prefeito entregou a Praça da Saramandaia, no Largo Euclides da Cunha, no bairro da Saramandaia. E, no final da semana, deu ordem de serviço para aplicação de geomanta na rua Nova Eugênio Ribeiro, no Doron.

Bruno é o principal nome para assumir a prefeitura de Salvador quando o mandado de Neto terminar, nas próximas eleições municipais, em 2020.

Siga o Linha de Frente no Twitter: @linhadefrenteba

Rui Costa é recordista de votos da história da Bahia; ACM é o 10º lugar

Ao alcançar a marca de 5.096.062 neste domingo (7/10), o governador reeleito Rui Costa alcançou o posto de baiano que recebeu maior aprovação de seus conterrâneos na história, em números absolutos. Nenhum outro político nascido no estado conseguiu ter mais de 5 milhões de votos.

A maior votação absoluta de Antonio Carlos Magalhães, falecido em 2007, foi inferior a 3 milhões de votos (2.995.559), ao conquistar uma cadeira no senado, em 2002. O até então campeão de votos era Jaques Wagner, eleito governador em 2010, com 4.101.270 votos. Das 10 maiores votações da história do estado, Wagner aparece em três posições.

A apuração do Linha de Frente foi feita com base nos dados disponibilizados pelo TSE nos últimos 2o anos.

Um detalhe curioso é a redução do total de eleitores aptos na Bahia em 2018 (10.393.170) em relação a 2016 (10.570.085). Em 2014, foram  10.185.417 votantes aptos, contra 10.110.100 em 2012.

VEJA O TOP 10 DE VOTOS NA BAHIA (os dados são do TSE)

1° Rui Costa – 5.096.062 votos (governador 2018)
2º Jaques Wagner – 4.253.331 votos (senador 2018)
3º Jaques Wagner – 4.101.270 votos (governador 2010)
4º Ângelo Coronel – 3.927.598 votos (senador 2018)
5º Walter Pinheiro – 3.630.944 votos (senador 2010)
6º Lídice da Mata – 3.385.300 votos (senadora 2010)
7º Rui Costa – 3.558.975 (governador 2014)
8º Otto Alencar – 3.341.111 votos (senador 2014)
9º Jaques Wagner – 3.242.336 votos (governador 2016)
10º ACM – 2.995.559 votos (senador 2002)

 

Siga-nos no twitter: @linhadefrenteba

COLOCA O LULA POR PRECAUÇÃO

Às vezes no silêncio de uma tarde pré eleições, tem candidato aproveitando para fazer divulgação do seu número e ajudar os amigos nas redes sociais, sem se preocupar com a lei de crime eleitoral. É o caso do postulante ao cargo de deputado federal, Caetano (PT), que divulgou peça gráfica, nesta sexta-feira (5/10), onde o nome do ex-presidente Lula aparece ao lado do presidenciável Fernando Haddad.

Em contato com o Linha de Frente, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) afirmou que a divulgação não é legal, seguindo “o Art. 323 do Código Eleitoral que determina que a divulgação de fatos inverídicos em relação a partidos ou candidatos, que sejam capazes de exercer influência perante o eleitorado, configura crime eleitoral, sujeito à pena de detenção ou multa”.

A assessoria do candidato também foi procurada pelo Linha de Frente e argumentou dizendo que não havia problema algum a presença de Lula nos chamados “santinhos”, já que ele aparece acompanhado por Haddad. A publicação, no entanto, foi excluída logo em seguida, “por precaução”.

O órgão orientou, ainda, como o eleitor deve se comportar nesses casos. “Basta acessar o aplicativo Pardal, do TSE, e fazer a denúncia”. Na plataforma é possível denunciar 12 tipos de crimes eleitorais, entre eles “material gráfico”.

 

Siga o Linha de Frente no Twitter: @linhadefrente

DEBATE DA ARATU TEM CITAÇÕES A BOLSONARO E REFERÊNCIAS AO AUSENTE RUI COSTA

O último debate entre candidatos ao Governo da Bahia, único transmitido de dia, foi realizado pela TV Aratu, em parceria com o Aratu Online e o jornal Folha de S. Paulo nesta quinta-feira (4/10).

Mediado por Casemiro Neto, o eleitor acompanhou pela televisão e pelas plataformas da internet – Facebook, Twitter e Youtube – as principais propostas dos postulantes ao maior cargo público do estado. Estiveram presentes os candidatos Célia Sacramento (Rede), José Ronaldo (DEM), João Santana (MDB), João Henrique (PRTB) e Marcos Mendes (Psol). O atual governador, Rui Costa (PT), confirmou a presença, mas desmarcou.

O debate foi dividido em quatro blocos. Começou com o confronto entre os candidatos. No segundo, eles responderam a perguntas dos jornalistas Pablo Reis, gerente de conteúdo da Aratu, Matheus Carvalho, gerente de jornalismo, e João Pedro Pitombo, repórter da Folha de S. Paulo. O terceiro bloco foi dedicado às perguntas do eleitor, respondidas pelos candidatos através de sorteio. No último bloco os postulantes fizeram as considerações finais.

Apesar da ausência, o púlpito dedicado ao governador foi mantido e o nome dele citado várias vezes pelos concorrentes. Nas primeira oportunidade, José Ronaldo e João Santana reprovaram a falta. “Ele correu. Deveria estar aqui, já que o governador é empregado nosso”, disse, ironizando o apelido de Rui “Correria”.

Outro tema que se estendeu durante o encontro foi o explícito apoio de José Ronaldo ao presidenciável Jair Bolsonaro (PSL), contrário ao cacique da legenda, ACM Neto, coordenador de campanha de Geraldo Alckmin (PSDB). Marcos Mendes aproveitou a oportunidade, ainda, para acusar o democrata de ter “virado a casaca”.

Zé se defendeu, afirmando que seus “amigos e a rua defendem a candidatura de Bolsonaro”, além de ter o desejo de tirar o Partido dos Trabalhadores do poder, se referindo ao empate entre o militar e Fernando Haddad (PT). Por fim, Célia Sacramento disse estar “estarrecida” com as palavras do democrata.

Os candidatos responderam ainda perguntas sobre segurança pública – armamento do cidadão, ressocialização dos presos e abordagem da polícia -. Sobre educação, comentando os planos para a carreira do professor estadual, as mudanças na grade curricular e implantação do ensino por tempo integral.

No final, os candidatos avaliaram o debate. “O encontro serviu para que o povo finalmente decida em quem votar no próximo dia 7 de outubro. São propostas reais e fictícias, fictícias por parte do governador, que nem aqui esteve”, opinou emedebista.

Célia Sacramento elogiou, afirmando que de todos os debates para os quais foi convidada, o da Aratu foi o que mais passou as informações e projetos para a população. José Ronaldo criticou novamente a ausência de Rui Costa, afirmando que ele “não merece o voto dos baianos”.

João Henrique agradeceu o convite e disse que “saiu do cárcere privado do horário eleitoral, onde tive mais de sete segundos. “A elegância de Casemiro e a credibilidade dos jornalistas me deixou satisfeito”. Marcos Mendes afirmou que agiu alinhado com o partido, “colocando o dedo na ferida” e agradeceu o convite.

CONFIRA O DEBATE NA ÍNTEGRA: 

Siga o Linha de Frente no Twitter: @linhadefrenteba

BAHIA RECORDISTA DE TÍTULOS CANCELADOS

A Bahia tem dez milhões de eleitores, mas 586.333 não vão poder votar no dia 7 de outubro. O estado foi o que teve o maior número de títulos cancelados no país. São Paulo, que tem três vezes mais eleitores, teve um pouco mais de 375 mil cancelamentos.

Na quarta-feira, o STF rejeitou, por sete votos a dois, o pedido de liminar feito pelo PSB para evitar que mais de três milhões de eleitores deixassem de votar por não terem feito o recadastramento para identificação biométrica (ou outras restrições).

Analistas políticos consideram que o PT saiU perdendo com a decisão do Supremo, já que a região Nordeste, o principal reduto petista do país, concentra o maior contingente de eleitores impedidos de ir às urnas.

Confira a lista dos cinco estados com o maior número de títulos cancelados:

1º Bahia – 586.333.

2º São Paulo – 375.169

3º Paraná – 257.941

4º Ceará – 234.487

5º Goiás – 219.426

 

Fonte: EBC

 

 

DEBATE ENTRE CANDIDATOS A DEPUTADO FEDERAL PROMOVIDO PELO LINHA DE FRENTE

O debate entre os candidatos a deputado federal pela Bahia, promovido pelo Linha de Frente, na última terça-feira (25/9) promoveu grandes discussões sobre a questão de gênero, segurança pública, educação, saúde e, claro, sobre a política nacional. Quem participou foram os postulantes: Da Luz (PRTB), Kátia Alves (DEM), Laina Crisóstomo (Psol), Priscila Chammas (Novo) e Zé Neto (PT). O candidato Sargento Isidório (Avante), que também foi convidado para a roda de conversa, cancelou presença horas antes do início do debate.

Nesta quinta-feira (27/9) é a vez dos candidatos a deputado estadual participarem da roda de conversa promovido pelo Linha de Frente. Mais uma produção para somar as mais de 70 horas de cobertura da política local e nacional, em parceria com a Folha de S. Paulo.

Confira na íntegra: 

Siga-nos no twitter: @linhadefrenteba

O MUNDO DE CÉLIA

A candidata ao Governo da Bahia, Célia Sacramento (Rede), parece viver no seu próprio mundo. Nesta segunda-feira (24/9), logo no início da manhã, publicou um pedido de doação de sangue para um professor baleado durante uma tentativa de latrocínio, no bairro do Rio Vermelho, em Salvador. Célia usou, ainda, o slogan de sua campanha na legenda da foto: “sucesso total”.

Danilo morreu na noite do último sábado (22/9). A postagem causou indignação em alguns seguidores da ex-prefeito da capital baiana.

Siga-nos no twitter: @linhadefrenteba

UM LÁZARO QUE INCOMODA NO SENADO

As recentes peças da campanha da chapa Rui-Wagner-Coronel contra o candidato ao Irmão Lázaro (PSC) ficaram justificadas após a divulgação dos resultados da pesquisa Ibope para as duas vagas ao Senado pela Bahia.

Wagner lidera com 41%, seguido por Lázaro (22%), Coronel (15%), e Jutahy (11%). Intruso no que se prometia “cabelo e barba” pela chapa majoritária da situação, o Irmão Lázaro ainda deve enfrentar muito fogo cruzado até o dia 7 de outubro.

Como a margem de erro é de três pontos percentuais, Ângelo Coronel e Jutahy Magalhães Jr estão tecnicamente empatados.

Atrás dos quatro primeiros, aparecem Fábio Nogueira (PSOL), 5%, Jorge Viana (MDB), 4%, Marcos Maurício (DC) e Comandante Rangel (PSL), 3%. Francisco José, da Rede e Adroaldo dos Santos (PCO) ficam com 1%. Enquanto Celsinho Cotrim (PRTB) não pontuou.

De acordo com o Ibope, mais de 40% dos baianos ainda não decidiram em quem votarão para o Senado.

Siga-nos pelo twitter: @linhadefrenteba

© 2018 - TV Aratu - Todos Direitos Reservados
Rua Pedro Gama, 31, Federação. Tel: 71 3339-8088 - Salvador - BA