MARINA SILVA COMEÇA A SEMANA NO LINHA DE FRENTE

A candidata à Presidência da República pela Rede Sustentabilidade, Marina Silva, esteve no Linha de Frente, na manhã desta segunda-feira (10/9). A postulante foi entrevistada pelos jornalistas da TV Aratu, Pablo Reis e Matheus Carvalho, e pelo jornalista do jornal Folha de S. Paulo, João Pedro Pitombo.

Marina começou a entrevista classificando a Bahia como importante para a corrida presidencial, já que em 2014 ela teve a segunda maior votação no estado. “Foi aqui que tudo começou, talvez aqui a gente consiga mandar a mensagem que queremos, de que o Brasil precisa se unir nesse momento tão difícil no país, queremos voltar a crescer e gerar emprego”. Sobre a questão do desemprego, Marina disse ainda que, caso seja eleita, vai estimular o crédito para que se torne mais acessível e “aqueça a economia, para gerar emprego”.

“Nós vamos fazer o Brasil recuperar a credibilidade para fazer investimento, então vamos começar por onde é mais fácil, ou seja, a construção civil, o saneamento básico, a construção de casas populares e, no estado da Bahia, vamos também estimular o turismo, vamos fazer o comércio funcionar”, garantiu.

Marina negou o título de esquerdista e afirmou ser “sustentabilista progressista”. “Nunca me perdi nessa polarização cega esquerda, direita, em cima, em baixo, eu estou a frente. Vou governar com as pessoas que não entraram na corrupção dos partidos. Sofro preconceito porque sou de origem humilde, mulher e negra e isso faz com que, o tempo todo, as pessoas fiquem desqualificando. O problema está na generalização, porque quando era católica e contra o aborto, ninguém ficava me questionando sobre certas coisas. Hoje ainda vejo me questionarem sobre temas que não questionam os outros candidatos”.

A candidata afirmou que não há necessidade de “tripudiar” do ex-presidente Lula, que já está preso desde abril deste ano, acusado de praticar corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso tríplex. A ex-ministra contou ainda como deve conciliar sua vocação para a sustentabilidade com a produção do agro negócio brasileiro. “Cada vez mais teremos que juntar economia com ecologia. Vamos ampliar o acesso às tecnologias, o plantio direto os sistemas que dobram a produção sem precisar desmatar mais, para que o agricultor médio e grande possa gerar emprego no país”.

Confira na íntegra:

Linha de Frente: Marina Silva (Rede)

Linha de Frente: Marina Silva (Rede), candidata a presidente da República

Gepostet von Aratu Online am Montag, 10. September 2018

 

Siga-nos no twitter: @linhadefrenteba

SEGURANÇA DE MARINA REFORÇADA APÓS ATENTADO

Agentes da Polícia Federal estiveram na Aratu, no início da noite deste domingo, para realizar o que chamam de vistoria precursora: observaram todos os acessos à emissora, os estúdios, as salas de espera e de reunião. O procedimento é uma praxe cumprida na véspera das agendas dos candidatos. A diferença é que, após o atentado contra Jair Bolsonaro, a quantidade de policiais envolvidos na segurança dos principais presidenciáveis aumentou em 60%, pelo menos.

Para a sabatina com a candidata Marina Silva (REDE), na manhã desta segunda-feira (10), a Polícia Federal solicitou da emissora a reserva de quatro vagas de estacionamento: uma para a van da comitiva e três para as viaturas da PF que acompanham a presidenciável em Salvador.

A candidata concederá entrevista ao Linha de Frente, da Aratu e do Aratu Online, a partir das 9h30. Em seguida, ela participará de atos na Praça Nelson Mandela, na Liberdade, e na estação ferroviária da Calçada.

Siga-nos pelo twitter: @linhadefrenteba

MARINA SILVA NO LINHA DE FRENTE

A assessoria da presidenciável Marina Silva (REDE) confirmou para a manhã desta segunda (10) a entrevista da candidata ao Linha de Frente, da Aratu e do Aratu Online. A sabatina está agendada como o primeiro compromisso político da candidata na visita a Salvador. Em seguida, ela tem ato público na Praça Nelson Mandela, na Liberdade, além de uma visita à Estação Ferroviária da Calçada.

Dos principais candidatos à presidência, apenas Marina Silva, Álvaro Dias e João Amoêdo não foram entrevistados no projeto Linha de Frente. A sabatina com Amoêdo está prevista para o próximo dia 20, no período da tarde. Álvaro Dias não confirmou a visita a Salvador até o momento.

O vice na chapa encabeçada pela REDE é o baiano Eduardo Jorge, de 68 anos, do Partido Verde. Nasceu em Salvador, mas passou a infância e a juventude em João Pessoa, na Paraíba, e decidiu morar em São Paulo em 1972.

Participe do nosso twitter pelo @linhadefrenteba

1º ROUND NO TWITTER: QUEM LEVOU A MELHOR ENTRE PRESIDENCIÁVEIS?

Não é só a cadeira do Planalto que os candidatos à Presidência da República querem ocupar. Os Trends Topics do Twitter também são um indicativo importante nas eleições 2018. É a partir deles que as equipes de comunicação dos candidatos conseguem acompanhar o que os internautas estão achando da participação de cada um em debates como o da noite da última quinta-feira (9/8), na Bandeirantes.

Assim que começou o evento, os líderes do Twitter eram Bolsonaro (PSL) (#EstouComBolsonaro), Boulos (Psol) (#BoulosnaBand) e Lula (PT) (#DebatecomLula). O petista não participou do debate porque está preso em Curitiba desde 7 de abril deste ano, mas foi citado porque o PT realizou um debate paralelo ao da emissora, na internet.

Trends às 22h, no início do debate

Ao final do segundo bloco, apareceram Ciro Gomes (PDT) (#CiroNaBand), Alvaro (Podemos) (#Alvaro) e Cabo Daciolo (Patriota) (#CaboDaciolo).

Trends às 00h, no final do segundo bloco do debate

Na rede social, o ranking de mais citados ficou assim: Bolsonaro encabeçando entre os mais comentados na rede social, Cabo Daciolo em segundo lugar, Alvaro Dias em terceiro, Boulos em quarto, Marina Silva (Rede), que apareceu pela primeira vez no espaço apenas no final do debate, e Ciro Gomes.

Trends às 1h, no final do debate

Ficaram sem expressão na rede social o ex-ministro da Fazenda, Henrique Meirelles (MDB), e o ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB).

Siga o @linhadefrenteba no Twitter.

© 2018 - TV Aratu - Todos Direitos Reservados
Rua Pedro Gama, 31, Federação. Tel: 71 3339-8088 - Salvador - BA