Acusados de assalto à casa de César Borges são transferidos para delegacias de Salvador

Fonte: Da Redação

Crédito da Foto: Reprodução / TV Aratu

As quatro pessoas detidas na 19ª Delegacia Territorial (Itaparica), acusadas de participação no assalto à casa do ex-ministro dos Transportes e ex-governador da Bahia, César Borges, foram transferidas, na tarde de ontem (29), para unidades de Salvador.

Segundo informações do titular da 19ª DT, Lúcio Uburacê, os presos identificados como Jean (o Vida Louca), Reginaldo e Roberval foram levados para a 1ª Delegacia Territorial (Barris), na capital baiana. A mulher de prenome Jane, que teria participado indiretamente do crime, foi encaminhada para a Delegacia de Repressão a Crimes contra a Criança e o Adolescente – Dercca, no bairro de Brotas, onde existe uma carceragem feminina.

Ainda de acordo com o delegado, um adolescente que havia sido apreendido, juntamente com os outros acusados, foi apresentado na Comarca de Itaparica e está à disposição do Ministério Público do Estado. A polícia continua em busca de dois foragidos: um homem identificado como Luciano e outro com o vulgo de “Meu Véio”.

O assalto aconteceu na tarde do último domingo (25) no Condomínio Água Viva, em Itaparica.  A prisão dos acusados foi possível a partir das identificações dos mesmos, permitidas pelas avaliações das imagens das câmeras de segurança registradas no local.

No momento da ação dos bandidos, César Borges estava com cerca de vinte pessoas em sua casa onde ele comemorava o aniversário de uma de suas filhas, quando os seis homens, quatro encapuzados e dois com os rostos cobertos com camisas, chegaram ao local e anunciaram o assalto.

Os criminosos aproveitaram um momento em que o portão do fundo do condomínio, que dá acesso ao mar, estava aberto e entraram no imóvel. As vítimas foram surpreendidas na área da piscina e tiveram pertences como joias e celulares roubados, além de carteiras de cédulas e documentos.

Durante a ação não houve feridos e os criminosos fugiram em seguida. O caso foi registrado pela esposa do ex-governador, Tércia Borges, na 19ª DT.

Veja reportagem da TV Aratu mostrando imagens da ação dos bandidos e apresentação dos primeiros detidos: