Adolescente que matou criança em Candeias está internada na Case, em Salvador

Fonte: Da redação

Crédito da Foto: Reprodução Facebook

A adolescente M.S.P, 16 anos, foi transferida para a Comunidade de Atendimento Sócio-Educativo de Salvador (CASE), no bairro de Tancredo Neves, em Salvador, nesta quarta-feira (7). A jovem confessou ter sequestrado e estrangulado até a morte Adonay Rafael, de nove anos, na última terça-feira (6), no município de Candeias. De acordo com a assessoria do Ministério Público da Bahia (MP-BA), a decisão é temporária e válida por 45 dias.

A medida foi tomada após solicitação feita pelo promotor Hugo Cassiano Santana, que ouviu o depoimento da jovem na sede do MP de Candeias. Após o prazo, caberá à Justiça definir o que será feito. Pela lei brasileira, ela poderá ficar apreendida por, no máximo, três anos.

O crime comoveu a população do município, que ajudou nas buscas por Adonay desde a manhã da última segunda-feira (5), quando ele foi dado como desaparecido. A acusada é usuária de drogas e pretendia utilizar a vítima para extorquir sua família e obter cerca de R$ 600. O garoto era vizinho da adolescente e foi levado para a casa de M.S.P por ela.

criança Candeias 2

Foto: Local onde o corpo foi encontrado/Driele Veiga TV Aratu

De acordo informações da polícia, após perceber a repercussão do caso, ela obrigou a criança a tomar dois comprimidos antidepressivos e o colocou em um freezer desativado, onde o corpo foi encontrado pelo seu pai, que a entregou à polícia. Na manhã desta quarta, populares incendiaram a casa da adolescente e pretendiam invadir a unidade policial para linchá-la, mas foram contidos por policiais.

O corpo de Adonay foi liberado do Instituto Médico Legal (IML) de Salvador, no início da tarde e seguiu para Candeias, onde foi sepultado no final da tarde.