Rodoviários da RMS seguem em manifestação pela Avenida Paralela após morte de cobrador

Fonte: da Redação

Crédito da Foto: Driele Veiga /TV Aratu

Os rodoviários da Região Metropolitana de Salvador (RMS), seguem em passeata pela Avenida Luis Viana Filho-Paralela para o Secretaria de Segurança Pública (SSP), no Centro Administrativo da Bahia (CAB), pedindo reforço na segurança após a morte de um cobrador na noite deste terça-feira (02), em Lauro de Freitas. A categoria resolveu paralisar as atividades nesta quarta-feira (03), e os ônibus não estão rodando.

Foto: Driele Veiga/ TV Aratu

Foto: Driele Veiga/ TV Aratu

O Sindicato dos Rodoviários Metropolitanos bloqueou a saída dos ônibus das garagens desde às 5h30 em Camaçari e Lauro de Freitas e seguiram em manifestação. De acordo com a Transalvador, o trânsito está bastante lento na região da Paralela.

Foto: Divulgação Sindmetro

Foto: Divulgação Sindmetro

De acordo com informações da Central de Polícias (Centel), Djanilson Miranda dos Reis, de 25 anos foi atingido por um golpe de faca profundo no pescoço em um assalto no ônibus que fazia linha Vilas do Atlântico/ Praça da Sé. Ele teria se assustado e foi golpeado pelo assaltante. O crime aconteceu por volta das 22h, na Avenida Santos Drummond, próximo ao Conjunto Residencial Clériston Andrade. O cobrador chegou a ser socorrido para o Hospital Menandro de Farias, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.