BARBÁRIE: Morta à facadas pela própria filha, aposentada é enterrada no cemitério do Campo Santo

Fonte: Diego Adans

Crédito da Foto: Aratu Online

Foi enterrada na tarde deste sábado (30.4), no cemitério do Campo Santo, Vera Lúcia Silva Martins, 55 anos. Ela foi morta na noite desta sexta-feira (29.4), num crime que chocou os moradores da rua Primeiro de dezembro, no bairro da Cidade Nova.

A aposentada foi atacada pela própria filha, Dulce Martins Barreto, 34 anos. Viciada em crack e cocaína desde os 24 anos, a jovem ameaçava a própria mãe para conseguir dinheiro. Na tarde de ontem (29.4), Dulce começou a cobrar a mãe.

Assustada com o comportamento agressivo da filha, a aposentada teria ligada para a irmã e relatado as ameaças sofridas. Após o telefonema, Dona Vera resolveu tomar um banho para sair de casa, relaxar. Ela não teve tempo.

Dulce já havia premeditado tudo. Ela teria usado uma faca e golpeado cinco vezes a mãe no pescoço. Após o crime, Dulce teria deixado o corpo da própria mãe trancado dentro de um quarto e recolhido cartões de banco, celular e todos os objetos de valor que havia na casa.

Na fuga, Dulce ainda teria pego o filho de quatro anos, que estava na casa e presenciado tudo. Posteriormente, teria deixado a criança na casa do ex-marido.  Uma equipe da 37ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) esteve no local, mas já encontrara a mulher sem vida.

O caso está sendo investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que ainda está a procura de Dulce.