Com pênalti contestado, Vitória perde para o Internacional em Porto Alegre

Fonte: Com informações do Terra

Crédito da Foto: Ricardo Duarte / SC Internacional

O Vitória perdeu por 2 a 1, de virada, para o Internacional na tarde deste domingo (30/9), em partida do Brasileirão, disputada no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre. O gol que deu o triunfo aos gaúchos surgiu de uma cobrança de pênalti, marcado pela arbitragem, sob muita contestação rubro-negra: após cobrança de falta, a bola tocou na mão de Lucas Fernandes que estava na barreira. Contudo, o lance teria acontecido fora da área e não dentro.

O Jogo

Mesmo atuando fora, os baianos tomaram a iniciativa e surpreenderam de cara os donos da casa. Com um minuto, bola lançada na área do Inter, Rodrigo Andrade disputou no alto e Marcelo Lomba saiu para fazer a defesa. Sem perceber que o goleiro saía do gol, Emerson Santos cabeceou para trás e fez contra.

Após fazer o gol o Vitória recuou e o Colorado se soltou para frente na busca do empate. Aos 14, D´Alessandro bateu direto para o gol e mandou na trave do goleiro Ronaldo. Tendo mais posse de bola, o Internacional tem dificuldades de penetração e infiltração na defesa adversária. Por sua vez, os visitantes são perigosos nas jogadas de contra-ataque.

Com decorrer da partida, os gaúchos encontram espaços no sistema defensivo do Vitória, mas precisa caprichar no último passe. Do meio pra frente Pottker, Nico López, D´Alessandro e Leandro Damião parecem que não estão em um dia muito inspirado. Aos 45, Nico López invadiu a área, se livrou da marcação e bateu para fora.

Na segunda etapa, de tanto pressionar quase o Colorado chegou a igualdade aos 17 minutos: Nico recebeu ótimo passe e tocou na saída de Ronaldo. Ramon, em cima da linha. Porém no minuto seguinte, o Inter foi premiado com o gol. Aos 18, Victor Cuesta roubou bola de Yago e tocou para Edenílson, que cruzou na cabeça de Leandro Damião.

Animado e com apoio da torcida, o Colorado se lançou mais a frente. Aos 25, Nico López recebeu ótimo passe na entrada da área. Com total liberdade, atacante bateu para o gol de forma precipitada e perdeu uma grande oportunidade. Aos 36, veio o lance polêmico, quando o árbitro Sávio Pereira Sampaio marcou penalidade em favor do Inter e aos 40 minutos, D’Alessandro cobrou pênalti com muita categoria e sem chances para Ronaldo.

LEIA MAIS: Dois homens são baleados na Avenida Caminho de Areia

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuonline.com.br/aovivo e no www.aratuonline.com.br/lives. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.