Crime no Pero Vaz: proprietário de mercadinho passa mal e morre, após morte de criança em assalto

Fonte: Da Redação

Crédito da Foto: Reprodução / TV Aratu

O proprietário do mercadinho assaltado na tarde de ontem (07) no bairro do Pero Vaz, em Salvador, morreu momentos depois do ataque ao estabelecimento. Ele passou mal quando viu que o garoto Jeferson Henrique Ramos Freitas, de 9 anos, foi baleado na cabeça, durante a ação dos bandidos.

A informação foi passada por moradores do local à equipe de reportagem da TV Aratu na manhã desta sexta-feira (08). Eles disseram que o comerciante, de prenome Fabiano, foi socorrido por uma equipe do Samu, mas não resistiu ao mal súbito e morreu, possivelmente, vítima de um infarto.

Além da criança, foram baleados: sua irmã Jéssica Carolina Ramos Freitas, 13 anos, e um idoso de 64 anos, que não teve o nome informado, ambos feridos no pé. Os irmãos retornavam da escola, no momento em que seguranças do mercadinho trocavam tiros com os bandidos, na Rua 1º de maio, quando foram atingidos pelos disparos, por volta das 15h.

As vítimas foram socorridas e encaminhadas para o Hospital Ernesto Simões Filho, mas o garoto não resistiu. Algumas horas após o crime, dois carros foram incendiados na frente do estabelecimento atacado. Segundo a 37ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Liberdade), os principais suspeitos são os bandidos que participaram da tentativa de assalto ao mercado. A PM impediu que o mercado fosse saqueado e uma equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada.