Dia da Consciência Negra tem ampla programação cultural em Salvador

Fonte: Da Redação

Crédito da Foto: Reprodução

Shows, marchas em prol da igualdade e espetáculos movimentam a programação cultural baiana no Dia da Consciência Negra (20 de novembro). Ações apoiadas e desenvolvidas pela Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA) através do Centro de Culturas Populares e Identitárias, Fundo de Cultura e Pontos de Cultura levam conscientização e arte para públicos de todas as idades.

No Largo Pedro Archanjo, no Pelourinho, às 21h o grupo I.F.Á Afrobeat! faz um som de manifesto de afirmação inspirado na música de matriz africana, O Ijexá Funk Afrobeat. Os ingressos custam R$ (inteira) e R$ (meia). No Largo Tereza Batista, às 20h, a banda de reggae Diamba apresenta o show Porque alma não tem cor que contará com a participação do bloco afro Muzenza. O grupo preparou um repertório especial para data com músicas novas e grandes sucessos da banda. Os ingressos custam R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). Também no Pelourinho, o Largo Quincas Berro D’Água recebe o grupo o Afrodisíaco, do cantor Pierre Onassis. O show acontece às 21h e os ingressos custam R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia).

Eventos de rua também fazem parte da programação da SecultBA. Às 14h, a 15ª Caminhada da Liberdade sai do Curuzu em direção ao Pelourinho. Às 15h, saindo do Campo Grande em direção à Praça Municipal, acontece a edição soteropolitana da XXXVI Marcha Zumbi dos Palmares, que mobiliza a população negra para a luta pela igualdade racial.

Outros espaços
– No Centro Cultural de Plataforma, localizado no Subúrbio Ferroviário de Salvador a mostra Africanidades da Escola Municipal de Plataforma marca o Dia da Consciência Negra com apresentações estudantis de diversos gêneros artísticos.

O Cine Teatro Solar Boa Vista, localizado no bairro do Engenho Velho de Brotas realiza a Mostra Artes do Engenho-, evento que começou na última terça e vai até domingo. O intuito da Mostra é divulgar os trabalhos de artistas e grupos do Engenho Velho de Brotas, fomentando suas obras e aproximando cada participante ao espaço. Além de movimentar a comunidade local potencializando seus artistas e público espectador. Essa edição do trabalho traz um olhar especial para a consciência negra.

A Biblioteca Infantil Monteiro Lobato, localizada no bairro de Nazaré, recebe às 15h o espetáculo Porque Sou Preta que aborda a diversidade identitária de forma espontânea e bem humorada. A entrada é gratuita. E até o dia 30 de novembro, a Biblioteca promoverá o Jogo de Memória sobre o continente africano, além de oficina de máscaras africanas, teatro e bate papo com ativistas que militam em prol da igualdade racial.

O Museu de Arte da Bahia, localizado no Corredor da Vitória, em Salvador recebe a exposição Faces até o dia 30, das 14h às 19h. A mostra do fotógrafo baiano Alvaro Villela retrata a interpretação do artista aos quilombolas nas comunidades da Barra e do Bananal, que existem desde o século XVII às margens do rio Brumado, na Chapada Diamantina. A entrada é franca.

PROGRAMAÇÃO:

Consciência Viva! I.F.Á – Afrobeat
Quando: 20/11, às 20h
Onde: Largo Tereza Batista
Quanto: R$20 (inteira) R$ 10 (meia)

Consciência Viva! Diamba
Quando: 20/11, às 20h
Onde: Largo Tereza Batista
Quanto: R$20 (inteira) e R$ 10 (meia)

Afrodisíaco Pierre Onassis
Quando: 20/11, às 21h
Onde: Largo Quincas Berro D’Água
Quanto: R$ 30 (inteira)

15ª Caminhada da Liberdade
Quando: 20/11 às 14h
Onde: Saída do Curuzu com destino ao Pelourinho
Quanto: Gratuito

XXXVI Marcha Zumbi dos Palmares
Quando: 20/11 às 15h
Onde: Saída do Campo Grande com destino à Praça Municipal
Quanto: Gratuito

Mostra de Talentos: As Africanidades da Escola Municipal de Plataforma
Quando: 20/11 às 20h
Onde: Centro Cultural de Plataforma
Quanto: Gratuito

Porque Sou Preta
Quando: 20/11 às 15h
Onde: Biblioteca infantil Monteiro Lobato
Quanto: Gratuito

Exposição com gibis e livros com personagens negros
Quando: de 01 a 30 de novembro
Onde: Biblioteca infantil Monteiro Lobato
Quanto: Gratuito

Jogo de Memória sobre o continente africano, oficina de máscaras africanas e teatro
Quando: 01 a 30 de novembro
Onde: Biblioteca infantil Monteiro Lobato
Quanto: Gratuito

Mostra Artes do Engenho
Quando: 17 a 22/11
Onde: Cine Teatro Solar Boa Vista
Quanto: Gratuito

Exposição Faces
Quando: Até 30/11
Onde: Museu de Arte da Bahia
Quanto: Gratuito

Programação Novembro Negro- SecultBA
Quando: Sexta-feira, 20 de novembro de 2015.
Mais informações:
Telefone: 71 3103- 3442