ENEM 2014: redações zeradas chamam atenção para dificuldade na interpretação de textos

Fonte: Da redação

Crédito da Foto: Monica Vasku/Aratu Online

A divulgação dos resultados do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) feita na noite desta terça-feira (13) pelo Ministério da Educação (MEC), chamou atenção para um dado: 529.373 pessoas que fizeram as provas tiraram zero na redação. O tema “Publicidade infantil em questão no Brasil” surpreendeu inclusive professores. É o caso da docente Monica Melo, que diz: “foi uma surpresa, porém um bom tema, apesar de ser sectarista [limitado]”. A estudante Emanuelle Oliveira, de 27 anos, que fez o exame e tirou 840 pontos na redação, complementa a opinião da professora: “em ano de eventos importantes como a copa, esperávamos outro tema”, fala.

Matéria ENEM 02

Emanuelle tem 27 anos e está no 4º semestre de Engenharia

A professora Monica diz ainda que o tema é limitado a moradores de capitais e da classe média, que conhecem abrangentemente o assunto publicidade infantil: “eu vi uma reportagem em que um menino viajou por 10 horas e ficou dois dias dormindo fora de casa para fazer o ENEM. Que condições ele tem para dissertar sobre a publicidade infantil?”, questiona. Já Emanuelle conta: “para fazer a redação eu li os textos base, mas foi difícil falar sobre isso porque não é de nossa vivência”, opina.

Para finalizar, a professora foi cautelosa: “prefiro não arriscar o tema que pode cair no ENEM deste ano, algumas pessoas que tentaram adivinhar o tema em 2014 erraram”. Ela disse ainda que para se dar bem na prova é bom ficar atento à segunda competência que é a interpretação de texto. Para isso, segundo Monica, é preciso que os estudantes tenham o hábito de ler. “A leitura é de fundamental importância para desenvolver a interpretação de qualquer texto, não apenas o do ENEM”.  Emanuelle tem a mesma opinião da professora. Para ela, o hábito da leitura é importante e ajuda na hora de fazer a redação.