Estudante do IFBA desenvolve aplicativo para o serviço de mototáxi

Fonte: Da redação

Crédito da Foto: Divulgação/IFBA

No último semestre da graduação tecnológica de análise e desenvolvimento de sistemas (ADS), o jovem Mateus Carvalho, estudante do Campus Salvador do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA), já colhe os frutos da sua formação. Ao lado dos estudos, Matheus conciliou a vida acadêmica com o mundo do trabalho, e antes mesmo de concluir o nível superior, desenvolveu um aplicativo voltado para mototaxistas e passageiros, a fim de facilitar o transporte nas cidades e contribuir com a discussão sobre a regulamentação dessa categoria profissional.

O aplicativo  Mototáxis está disponível na loja do Google Play desde junho deste ano. Feira de Santana e Manaus foram as primeiras contempladas com a novidade. Cruz das Almas e Alagoinhas estão na lista das próximas candidatas, além de cidades dos estados de Pernambuco e Santa Catarina.

Existem duas versões do aplicativo: a do passageiro e a do mototaxista, ambas gratuitas. Através do app, o GPS do celular localiza o endereço automaticamente, então basta o usuário preencher seus dados, com um ponto de referência, e o sistema vai buscar os 10 mototaxistas mais próximos em um raio de 3km. É disparado um alerta e, o primeiro mototaxista que aceitar, vai buscar o passageiro, que visualiza os dados do profissional, tais como foto, telefone, nome, placa e modelo da moto e pode, inclusive, acompanhar o mototaxista no seu deslocamento.

O estudante pensa em aperfeiçoar o app com novas funcionalidades. “Eu fiz uma versão básica para lançar e estou melhorando cada vez mais. Ainda estou à procura de investidores, pois, no momento, o aplicativo não gera lucro. Uma das novidades será o pagamento por cartão de crédito, mas, atualmente, estou trabalhando com a possibilidade de o usuário escolher o mototaxista que irá buscá-lo”, ressalta Matheus.

Para ser um embaixador do aplicativo e levá-lo para outras cidades, basta enviar um e-mail para contato@motaxis.com. Mais informações sobre essa invenção que está fazendo sucesso estão disponíveis no site www.motaxis.com