Hugo e Filipe são os finalistas do “Cozinha Sob Pressão”

Fonte: SBT

Após 12 semanas, o implacável Chef Carlos Bertolazzi definiu no programa exibido no último sábado, 11 de julho, os candidatos Filipe Santos (35 anos) e Hugo Grassi (28 anos) como os grandes finalistas da segunda temporada do maior reality show gastronômico da TV aberta brasileira, Cozinha Sob Pressão (versão do sucesso internacional “Hell’s Kitchen”).

O programa alcançou ainda grande repercussão nas redes sociais, e a hashtag #CozinhaSobPressão ficou mais uma vez em primeiro lugar entre os assuntos mais comentados do twitter na noite do último sábado, onde os internautas interagiram com o Chef Carlos Bertolazzi (@CaBertolazzi) e também expuseram suas torcidas.

CP_06 (1) (1)

Filipe foi o primeiro classificado para a grande final após vencer a prova de aptidão. Em seguida foi a vez de Hugo garantir sua vaga como finalista ao ter um desempenho superior ao da candidata Gabriela Preisegalavicius e de Katia Xavier, eliminadas durante a prova da cozinha, onde precisam preparar pratos para servir um restaurante lotado.

Confira o Perfil dos Semifinalistas: 

f

Filipe Santos

35 anos
Chefe de cozinha da área VIP em um estádio de futebol
Nasceu e mora em Santo André/SP

 

Filipe se envolveu com a cozinha em 2008, quando trabalhava numa padaria. “Foi basicamente por necessidade”, conta.  Depois disso resolveu estudar gastronomia e não parou mais.

Já trabalhou em bistrô, no famoso restaurante DOM, em São Paulo, e, durante a Copa do Mundo, em Manaus. Depois disso passou chefiar a cozinha do Allianz Parque, a arena multiuso do Palmeiras, onde serve o público dos camarotes.

Filipe diz que tem forte influência da culinária brasileira contemporânea e, caso vença o “Cozinha Sob Pressão”, sonha em abrir o próprio restaurante focado na área.

“Eu vou ganhar o programa”, avisa.  Dentre suas especialidades, estão os pratos arroz de garoupa, com escama de peixe frito, e rabada.

Segundo ele, sua inspiração para cozinhar vem da música e que adora ouvir jazz na cozinha. “Acho que Miles Davis tem tudo a ver”. Filipe se sente preparado para enfrentar os desafios do chef Carlos Bertolazzi, mas revela que não é muito familiarizado com o preparo de sobremesas.  Também afirma que a impaciência pode vir a atrapalhá-lo na disputa. “Saber administrar a tolerância é importante”, ressalta.

Ser honesto consigo mesmo é, de acordo com o chef, a chave para obter sucesso e vê no “Cozinha Sob Pressão” uma oportunidade de recomeço profissional. Aos outros competidores ele dá uma dica categórica: “Seja rápido”.

image004Hugo Grassi
28 anos
Chef de cozinha com marca própria (personal chef, consultoria e confeitaria)
Nasceu em Vitória/ES
Mora em São Paulo/SP

 

 

Hugo afirma que sonhava em estudar jornalismo, mas acabou matriculado no curso de gastronomia. “Sempre fui péssimo na escola e esse era o curso com menos concorrentes”, entrega.

A paixão pelas panelas aconteceu logo depois e hoje não se vê fazendo outra coisa.

Adepto da cozinha contemporânea, o chef diz gostar de englobar influências de diversas partes do mundo em seus pratos, mas tem um carinho especial pela culinária italiana. Também adora usar aqueles produtos que ficam esquecidos na prateleira.

Dentre os pratos que são sua marca registrada, ele cita o risoto de queijo tallegio, com ragu de vitela e chutney de maçã verde, além de doces como o panetone recheado com brigadeiro belga.

Em relação aos desafios do “Cozinha Sob Pressão”, revela que não gostaria de ter que matar um animal pra cozinhá-lo depois. “Acho que esse seria meu ponto fraco”, diz. Hugo já foi dono de restaurante e hoje comanda uma marca especializada em serviços de personal chef, consultoria gastronômica e doces finos.

Segundo ele, seu trabalho atende a clientes do Brasil inteiro. “A minha intenção [no programa] é firmar meu nome em rede nacional”, revela. Boa-praça, ele manda um recado para seus concorrentes do programa: “Abram o olho, que eu não vim aqui a passeio”.

 

A grande final do “Cozinha Sob Pressão”, vai ao ar no próximo sábado, 18, às 21h30, sob o comando do Chef Carlos Bertolazzi, no SBT.