Mais de 134 mil candidatos disputam, neste domingo, 200 vagas de servidor do TJBA

Fonte: Da redação

Tudo pronto para o maior concurso já realizado na história quadricentenária do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia, a corte mais antiga nas Américas. São mais de 134 mil candidatos disputando 200 vagas para níveis médio e superior. Os candidatos são das áreas de Direito, Administração, Tecnologia da Informação, Arquitetura, Assistência Social, Biblioteconomia, Comunicação, Contabilidade, Economia, Enfermagem, Engenharias, Estatística, Medicina, Odontologia e Psicologia.

As provas serão realizadas em Salvador, Barreiras, Feira de Santana, Ilhéus, Juazeiro, Porto Seguro e Vitória da Conquista

A Fundação Getúlio Vargas recomenda aos 134.793 candidatos comparecer ao local das provas objetiva e discursiva com antecedência de 60 minutos do horário do início. A caneta deve ser de tinta azul ou preta.

Os estabelecimentos serão abertos pontualmente às 7 horas, horário da Bahia, e fechados às 8 horas, no caso das provas pela manhã, para candidatos de nível médio. À tarde, a abertura será 13h30min e o fechamento, 14h30min, conforme consta do edital.

Os horários para a realização das provas são de 8h às 12h, para os candidatos aos cargos de nível médio, e entre 14h30min e 19h30min, para os de nível superior. É exigida a apresentação do Cartão de Informação, que vale como comprovante de inscrição.

O candidato deverá permanecer obrigatoriamente no local de realização das provas por, no mínimo, uma hora e meia após o seu início, período a partir do qual poderá deixar o local de provas, sem portar, contudo, seu Caderno de Questões.

Somente poderá retirar-se do local da aplicação da prova, levando consigo o Caderno de Questões, o candidato que sair do recinto a partir dos últimos 60 minutos destinados para realização do concurso.

Os candidatos têm de apresentar documento de idade expedido pelos Comandos Militares, secretarias de segurança Pública, pelos Institutos de Identificação, Corpos de Bombeiros ou carteiras expedidas pelos órgãos fiscalizadores de exercício profissional.

Será eliminado do concurso o candidato que for surpreendido portando aparelhos eletrônicos, tais como iPod, smartphone, telefone celular, agenda eletrônica, aparelho MP3, notebook, tablet, palmtop, pendrive, receptor, entre outros.

Não pode também usar relógio de qualquer espécie, óculos escuros, nem chapéu, boné, gorro, lápis, lapiseira, corretor líquido ou borracha. O objeto proibido deverá ser recolhido em embalagens que deverão permanecer lacradas durante a prova.

Clique aqui e veja onde fazer a prova.