Menina de sete anos internada com ‘Guillain- Barré’ em Feira de Santana tem quadro estável

Fonte: Da Redação

Uma criança de sete anos diagnosticada com a Síndrome de Guillain-Barré no município de Feira de Santana, Bahia na última quarta-feira (01) apresenta melhora em seu estado clínico, segundo informações da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (SESAB) divulgadas nesta quinta-feira (09) para o Aratu Online.

A paciente de iniciais B.S.S. está internada no Hospital Estadual da Criança (HEC) / Liga Álvaro Bahia Contra a Mortalidade Infantil (LABCMI) desde a quarta-feira por causa da síndrome. Ela está sob os cuidados da equipe médica, com o quadro estável após o início do uso de imunoglobulina realizada na última terça-feira (07). A menina não será mais transferida para outra unidade hospitalar. No entanto, ainda não há previsão de alta.

O primeiro caso confirmado fatal por Síndrome de Guillain-Barré foi de uma mulher no Hospital Tereza de Lisieux, no início do mês de junho. Ela tinha se curado do Zika Vírus dias antes sua morte. Além disso, já foram  confirmados 54 casos da doença no Estado.

A causa exata da Síndrome de Guillain-Barré, que provoca dores na face, ataca o pulmão e atrofia os membros, ainda é desconhecida. A suspeita principal é que a doença aparece alguns dias depois que o paciente se cura do Zika Vírus, transmitido pelo Aedes Aegypt.