PARADO NA BLITZ: Oito PMs são afastados para investigação sobre morte de engenheiro

Fonte: Redação

Oito PMs foram afastados de suas funções e realizam apenas trabalhos administrativos, enquanto morte de engenheiro é investigada. Moacyr Trés da Costa Trindade, 61 anos, foi baleado durante ação da Polícia Militar. Na versão apresentada pelos PMs, a vítima estava dirigindo perigosamente e se recusou a parar quando foi solicitado, daí os disparos foram feitos.

A corregedoria da polícia militar investiga se o engenheiro foi morto durante uma blitz realizada no bairro do Imbuí, há 13 dias, de acordo com versão apresentada pelos policiais no Instituto Médico Legal (IML).

Enquanto o caso é investigado também pela policia civil, o secretário de Segurança Pública da Bahia, Maurício Barbosa, solicitou o afastamento dos oito policiais envolvidos na ação. As armas utilizadas foram apreendidas e encaminhadas ao Departamento de Polícia Técnica (DPT), assim como o veículo da vítima.

Em nota a Policia Militar disse que não revelará os nomes do policiais por se tratar de um procedimento inquisitorial em sua fase inicial, eles continuarão realizando trabalhos administrativos até que a apuração chegue ao fim.