PMs baianos são presos com munições, remédios e eletrônicos perto do Paraguai

Fonte: Da redação

Crédito da Foto: ilustrativa/Alberto Maraux/divulgação

Três policiais militares baianos foram presos com produtos contrabandeados no Paraná, estado que faz fronteira com o Paraguai. A informação foi confirmada ao Aratu Online pela assessoria da Polícia Federal. Segundo ela, o trio foi localizado no final da noite de segunda-feira (3/12) no município de Santa Terezinha de Itaipu.

A PF disse que os três estavam em um carro alugado, modelo corolla, quando foram abordados durante uma operação chamada “Muralha”. Com os policiais foram encontrados anabolizantes; caixas de remédios; 198 munições dos calibres .40 e 380; produtos eletrônicos e cinco caixas de spray de pimenta. O material teria sido comprado no Paraguai.

LEIA MAIS: Mais de 20 bairros de Salvador terão fornecimento de água interrompido; veja lista

Os presos, que foram apresentados na Polícia Federal e responderão por contrabando, são lotados na 1ª Companhia Independente da PM (CIPM/Pernambués) e na Companhia Independente de Policiamento Tático (CIPT/Rondesp Central). Todos estão presos no Batalhão da PM do Paraná em Foz do Iguaçu à disposição da Justiça Federal.

Por meio de nota, a Polícia Militar da Bahia prometeu apurar o caso com a corregedoria para se pronunciar.

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuonline.com.br/aovivo e no www.aratuonline.com.br/lives. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003.