Policiamento em Pernambués é reforçado após mulher ser morta por bala perdida

Fonte: Da redação

Crédito da Foto: Ilustrativa/ Edilson Lima | Ag. A TARDE

O policiamento no bairro de Pernambués, em Salvador, foi reforçado após a doméstica Jucileide Jesus Santos, 51 anos, ser assassinada durante uma troca de tiros na madrugada desta sexta-feira(25). De acordo com a Polícia Militar da Bahia, os bares permanecem abertos e a rotina da população está transcorrendo de forma normal mesmo com o suposto toque de recolher que circula pela região.

Para garantir a segurança da comunidade, a 1ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/Pernambués), responsável pela região, além das viaturas do Pelotão Especializado (PETO), que conta com o apoio de duas viaturas da Operação Esparta, do Comando de Policiamento Especializado (CPE) estão no local.

Em nota, a PM informou que não há possibilidade de ocorrer qualquer tipo de restrição aos direitos da população e alertou que o há até o momento são mensagens de origem desconhecida veiculadas através das redes sociais. Ainda assim a 1ª CIPM manterá a intensificação na região e atuará de forma imediata e saneadora contra investidas criminosas. Além disso, pediu para os moradores permanecerem tranquilos.

Os disparos que atingiram o braço e peito esquerdo de Jucileide, que estava na laje da residência de sua irmã, foram provenientes de um tiroteio entre criminosos rivais, ocorrido por volta das 2h, na Av. São Paulo, localidade conhecida como “Baixa do Manu”, em Pernambués. A vítima foi conduzida para o Hospital Roberto Santos, mas não resistiu aos ferimentos, indo a óbito.

O caso deve ser investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).