Postos de saúde da capital intensificam diagnóstico precoce das Hepatites Virais

Fonte: Da redação

 

Salvador recebe até sexta-feira (27) a Semana de Incentivo ao Diagnóstico das Hepatites Virais, realizada nas unidades básicas de saúde do município, das 8h às 16h. A intenção é estimular o diagnóstico precoce das hepatites, além de realizar imunização contra hepatite B e coleta de sangue para detecção dos sorotipos do vírus. Os interessados poderão realizar o teste rápido para detecção da patologia em apenas 30 minutos.

A ação faz parte das atividades do “Julho Amarelo”, mês que marca a luta contra a doença que atinge em média 33 mil pessoas por ano no Brasil. Nesta terça-feira (28), uma estrutura está montada no Pituba Parque Center, no Itaigara, até às 16h, com a oferta da testagem rápida e encaminhando dos pacientes soropositivos para o tratamento integral na rede assistencial da Secretaria Municipal da Saúde.

A hepatite viral é uma doença silenciosa, que causa inflamação no fígado e pode levar à morte, já que os sintomas demoram a aparecer e quando o paciente descobre muitas vezes se encontra em estado avançado. Nos últimos três anos, foram registrados quase mil ocorrências de hepatites virais em Salvador. Somente em 2015, foram diagnosticados 292 novos casos da doença.

Com o objetivo de ampliar o acesso dos usuários SUS de Salvador ao serviço, a atual gestão implantou os primeiros Ambulatórios Municipais para o tratamento dos portadores das hepatites virais da capital. As unidades funcionam no Centro de Saúde Carlos Gomes e no Multicentro Vale das Pedrinhas, e representam um marco na assistência do município.