PROTESTO EM SALVADOR: Na Barra, manifestantes rezam ‘Pai Nosso’ antes de encerrar ato contra o PT

Fonte: Da Redação

Crédito da Foto: Reprodução

O protesto contra o governo Dilma dispersou, em Salvador, por volta das 13h. Na manhã deste domingo (13/3), os manifestantes se reuniram no Farol da Barra, seguiram em direção ao Cristo, onde posaram para uma fotografia, rezaram um Pai Nosso e aplaudiram, ao meio dia, o juiz Sérgio Moro, que julga, em primeira instância os processos resultantes da Operação Lava Jato.

Segundo a Polícia Militar, cerca de 20 mil pessoas participaram do protesto, que se encerrou no retorno ao Farol da Barra. O ato foi convocado nas redes sociais pelo Movimento Brasil Livre (MBL), principal organizador do protesto, que ocorre simultaneamente em várias cidades do país.

A manifestação na capital baiana aconteceu de forma pacífica, apesar da polícia ter feito uma prisão: no bairro da Graça, bem próximo à Barra, um dos líderes do movimento a favor do ex-presidente Lula e militante do Movimento Passe Livre (MPL- Salvador), Walter Takemoto, foi detido por uma operação conjunta das polícias Civil e Militar.

LEIA TAMBÉM: PRISÃO NO ATO: Militante do Movimento Passe Livre é preso durante protesto; Família contesta PM