Quem é a dançarina? Misteriosa encanta turistas com dança latina no Pelourinho

Fonte: da redação

Crédito da Foto: Pablo Reis

A cena é de uma Salvador caliente: olhares incrédulos de músicos e câmeras ansiosas de turistas extasiados apontam a dançarina anônima, que baila ao som caribenho no Largo do Cruzeiro de São Francisco, Centro Histórico de Salvador, Pelourinho.

Noite de sábado. Ao mesmo tempo em que ocorria show de Attoxxa, no Largo Tereza Batista, e a apresentação de Bailinho de Quinta, no Santo Antônio Além do Carmo, a bailarina desconhecida estava mais do que à vontade.

Ela não precisa dedicar longas e entediantes horas a ensaios coreográficos e nem treinar cada marcação, nem caras e bocas, ou buscar o figurino mais adequado ao ritmo e se vestir de lantejoulas e risos artificiais. Com espontaneidade, sorrisos e um balé assimétrico cadenciado mais por transpiração do que inspiração, ela extravasa alegria.

Quem será a Jennifer Lopez das ruas com pedras pisadas de preto, a Shakira delirante que flerta com o infinito do Cruzeiro da Igreja do São Francisco? Quem será a mulher que deixa músicos boquiabertos e turistas estupefactos, olhos vidrados no balé assimétrico cujos críticos serão incapazes de censurar com suas notas técnicas inconvenientes?

Clique e veja:

O espírito inebriado de emoções calientes é resumido com duas palavras ao final: “mais uma”. Se você conhece essa moça, escreva para a gente nos comentários ou compartilhe até chegar a ela. Queremos conhecer mais da musa latina do Pelô.

 

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos no www.aratuonline.com.br/aovivo e no www.aratuonline.com.br/lives. Nos mande uma mensagem pelo WhatsApp: (71) 99986-0003