TRÁFICO E MORTES: Trio é preso durante operação policial em Santo Amaro; Suspeito conseguiu fugir

Fonte: Da redação

TRÁFICO E MORTES Trio é preso durante operação policial em Santo Amaro; Suspeito conseguiu fugir

Crédito da Foto: Divulgação Polícia Civil

Wellington Santos de Brito, o “Eto”, Robson Leite, o “Titia”, e Luan Gabriel Mendes de Lima flagrados, respectivamente, com um revólver calibre 32, oito porções de maconha e nove porções de crack e maconha, foram presos durante a Operação Independência, no município de Santo Amaro. A ação tinha o objetivo de levantar provas para elucidação de homicídios ligados ao tráfico de drogas.

De acordo com a assessoria da Polícia Civil, Wellington foi autuado por posse de arma, enquanto Robson e Luan devem responder por tráfico de drogas. Todos estão custodiados na unidade policial do município, à disposição da Justiça.

LEIA MAIS: DENÚNCIA ANÔNIMA: Quatro toneladas de maconha são apreendidas em Lauro de Freitas e Cajazeiras

De acordo com o delegado Rafael Almeida, coordenador da 3ª Coorpin, um suspeito de homicídio, identificado como Carlos Vinicius de Lima, foi conduzido à sede da unidade. Com ele, os policiais apreenderam vestimentas que condizem com as que testemunhas descreveram no caso que apura uma morte na cidade. Ele foi ouvido e liberado.

Em outro imóvel, residência de Luciano Mendes Lima, o “Cheiroso”, foram encontradas mais seis porções de maconha, mas o rapaz conseguiu fugir pelo telhado da casa antes que os policiais entrassem e cercassem a área. Em outros imóveis, foram colhidos elementos de provas que garantem aprofundar algumas investigações em desenvolvimento na DT/Santo Amaro.

Participaram da operação a 3ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) e a Delegacia Territorial (DT), ambas de Santo Amaro, cumpriu seis mandados de busca e apreensão, prendeu três pessoas e conduziu uma.

LEIA MAIS: VAI E VEM: Petrobras reduz preço da gasolina em 3,8% nas refinarias; Saiba mais

Acompanhe nossas transmissões ao vivo e conteúdos exclusivos na página facebook.com/aratuonline e também pelo youtube.com/televisaoaratu.

Publicado originalmente às 14h26*