Ver muita TV pode provocar problemas cerebrais, diz estudo

Fonte: Da AFP

Crédito da Foto: Reprodução

Os jovens adultos que assistem muita televisão poderão ter problemas cognitivos no futuro, segundo um estudo publicado nesta quarta-feira, no qual um grupo de 3.000 pessoas foi acompanhado durante 25 anos.

O estudo destaca que os participantes que assistiam televisão mais de três horas por dia quando eram jovens correm duas vezes mais riscos de ter problemas cognitivos ao longo da vida adulta do que aqueles que são mais ativos e passam menos tempo em frente a uma tela.

Um total de 3.247 adultos, de entre 18 e 30 anos, foram acompanhados durante o estudo, publicado nesta quarta-feira no Journal of the American Medical Association (JAMA) Psychiatry.

Os pesquisadores avaliaram suas atividades cognitivas depois de 25 anos por meio de três provas para avaliar sua rapidez reflexiva, as funções de execução e sua memória verbal.

“Os participantes com hábitos de vida menos ativos, ou seja, com pouca atividade e muita televisão, eram mais suscetíveis a ter resultados piores nas provas cognitivas”, destaca o estudo.

Contudo, a memória verbal não foi afetada por uma overdose de televisão.

Andrew Przybylski, psicólogo da Universidade de Oxford que não participou da pesquisa, questionou o estudo: “Em primeiro lugar, seus dados se baseiam em uma medição feita pelos próprios participantes do tempo que passam em frente à televisão, isto pode ser problemático”.

Os envolvidos não efetuaram provas cognitivas no início do estudo, o que permitiria ter dados de referência. Além disso, “quase um de cada três não participaram do final do estudo”, o que fragiliza as conclusões do trabalho, lamentou Przybylski.