EXCLUSIVO: Assista clipe não autorizado de Ivete, vetado pela gravadora

Essa é para os fãs da musa Ivete Sangalo e EXCLUSIVA para os leitores do Universo Axé. Para quem não lembra, depois que partiu para a carreira solo, a aposta de Ivete Sangalo foi a música “Tá Tudo Bem”, que, apesar de muito bonita, não surtiu o efeito desejado e a grande surpresa ficou por conta da faixa 13 do CD, a música “Se eu não te amasse tanto assim”, composta por Herbert Viana. A canção foi incluída, de última hora, na trilha sonora da novela global “Uga Uga” e, em menos de 2 semanas, já tinha conquistado todo o país, ficando por vários meses no topo das músicas mais tocadas nas rádios brasileiras e foi eleita a canção mais tocada daquele ano, levando também vários títulos, dos prêmios mais respeitados do país como a música mais bonita do ano de 1.999.

O rei Roberto Carlos, apaixonado declarado pela canção, chegou a convidar Ivete Sangalo, no ano de 2004, para dividir os vocais com ele na canção no seu programa especial de fim de ano da Globo e foi às lágrimas na frente das câmeras por não conseguir segurar a emoção. Outros cantores também fizeram o mesmo, a exemplo de Fábio Júnior.

Que essa canção foi um divisor de águas na carreira de Ivete Sangalo todo mundo sabe, talvez a música que tenha dado o impulso que ela precisava para emplacar na carreira solo. O CD, que até então não tinha surtido efeito algum e tinha alcançado uma venda baixíssima, depois do sucesso dessa música, passou a ser procurado intensamente nas lojas de todo o país e alcançou a marca extraordinária de 700 mil cópias vendidas.

O que quase ninguém sabe é que, quando a canção virou febre nacional, a gravadora solicitou urgente a gravação de um clipe para alavancar ainda mais a projeção que a música estava alcançando e assim foi feito. Depois de semanas de muito trabalho, equipe se dedicando intensamente sem parar, virando noites e depois de muito dinheiro investido, enfim o vídeo, que foi dirigido por Preta Gil, ficou pronto. O que ninguém esperava era que a Universal Music iria vetar o filme, onde Ivete interpretava uma prostituta, com locações gravadas, inclusive, em bordeis do Rio de Janeiro. A multinacional não gostou nem um pouco de associar a imagem da musa à de uma prostituta. Na verdade, o veto partiu inicialmente do irmão da cantora, Jesus Sangalo, que pensava da mesma forma. Como Ivete estava se lançando naquele momento numa carreira solo e iria, além de uma linha carnavalesca, trilhar também numa linha romântica, achou-se perigoso associar a imagem de uma "mulher da vida" à de uma musa venerada por todo o país, que era o objetivo desejado por eles para Ivete. Dessa forma, chegaram a conclusão de que não seria mais necessário a gravação de um clipe. Anos depois, foi solicitada novamente a gravação de um clipe para a música, só que dessa vez na versão em espanhol, onde a canção é sucesso nas rádios de lá.

Assista agora o vídeo não autorizado, nunca veiculado em nenhum local e que agora, ninguém sabe como, foi vazado para a internet. E logo depois confira a versão autorizada:

Os comentários não representam a opinião do UNIVERSO AXÉ; a responsabilidade é do autor da mensagem. Ao comentar, o autor da mensagem está aceitando os Termos e Condições de Uso.
Universo Axé © 2008 - 2019 - TV Aratu - Todos Direitos Reservados
Rua Pedro Gama, 31, Federação. Tel: 71 3339-8088 - Salvador - BA